Wana Química

AkzoNobel publica os resultados do primeiro semestre (H1) e do segundo trimestre (Q2) de 2017

31/07/2017 - 17:07

Estratégia progressiva de aceleração do crescimento e criação de valor:

•          Expansões de capacidades no Brasil, México, Suécia e Tailândia

•          Duas aquisições anunciadas para fortalecer o negócio de Performance Coatings

•          Lançamentos de produtos de Tintas Decorativas, incluindo o Levis na China e o Superlavável no Brasil

•          Processo de separação de Specialty Chemicals mantem-se no caminho certo

•          Planos de engajamento de acionistas anunciados que incluem uma Assembleia Geral Extraordinária (EGM, em inglês) a ser realizada em 8 de setembro de 2017

•          Reorganização do Comitê Executivo

Primeiro semestre:

•          Volumes em alta de 2% conduzidos por Tintas Decorativas e Specialty Chemicals

•          Maior faturamento em todas as áreas de negócios e de 4% na empresa como um todo, por conta, principalmente, do crescimento de volume e de aquisições

•          EBIT1 maior em 1% fechando em €837 milhões (2016: €825 milhões), principalmente como consequência do aumento de volume e melhorias contínuas. Esse índice foi parcialmente contrabalanceado pelo aumento dos custos das matérias-primas e pela contínua e fraca demanda por produtos de Marine and Protective Coatings

Q2:

•          Volumes de Tintas Decorativas e Specialty Chemicals em alta, porém estáveis para a empresa como um todo

•          Faturamento em elevação de 2% impulsionado por Performance Coatings e Specialty Chemicals

•          EBIT em €461 milhões (2016: €491 milhões), impactado pela contínua e fraca demanda por produtos de Marine and Protective Coatings, pelos crescentes custos das matérias-primas e pelas alterações de manutenção planejada em Industrial Chemicals

•          EPS ajustado em alta de 2% fechando em €1,35 (2016: €1,32)

•          Programa de recompra de ações de €160 milhões concluído

A AkzoNobel continua prevendo uma melhoria ao longo do ano nas regiões EMEA (com exceção do Reino Unido), América do Norte e Ásia e prevê uma estabilização na América Latina. As tendências de mercado continuarão desafiadoras para as indústrias marítimas e de óleo e gás.

A empresa melhorou sua capacidade de reagir aos desenvolvimentos em seus mercados e continua tomando as medidas apropriadas, como a implantação de estrutura para impulsionar a excelência operacional e o controle adicional de custos. Tais ações visam enfrentar o aumento dos preços das matérias-primas decorrentes de inflações.

A empresa continua prevendo que o EBIT para 2017 será cerca de €100 milhões maior do que o de 2016, por conta do constante crescimento e melhoria contínua, desde que não haja mais mudanças materiais nas dinâmicas de mercado e na economia, incluindo moedas estrangeiras.

Comentário do CEO Thierry Vanlancker:

"É um privilégio liderar a AkzoNobel, uma empresa cheia pessoas de grande valor focadas em atender nossos clientes diariamente”.

"Eu estava envolvido no desenvolvimento de nossa estratégia para acelerar o crescimento sustentável e criar valor para todos os nossos stakeholders. Continuaremos implementando planos para criarmos duas empresas focadas e de alto desempenho - Tintas e Revestimentos e Specialty Chemicals. O processo de separação está progredindo conforme planejamos”.

"Durante a primeira metade do ano, investimos para aumentar de forma significativa nossa capacidade de produção em todo o mundo e lançamos duas de nossas marcas de Tintas Decorativas premium em mercados-chave. Também anunciamos duas aquisições que estão fortalecendo o nosso negócio de Performance Coatings.

"Estamos reestruturando o Comitê Executivo com o intuito de impulsionarmos o negócio em nível global e mantermos o nosso foco na excelência operacional.

"Depois de registrarmos um desempenho recorde na empresa como um todo no primeiro trimestre, continuamos crescendo em todas as nossas áreas de negócios. A exceção se deu nas indústrias marítima e de óleo e gás devido às condições adversas nesses mercados e por conta da inflação que afeta parte de nosso negócio. Planos de compensação já estão sendo implantados e os benefícios poderão ser vistos ao longo do restante do ano”.

"Como parte de nosso programa para fortalecer o relacionamento com nossos acionistas, estamos anunciando uma série de novas atividades, incluindo uma EGM, que será realizada em 8 de setembro”.

"Manteremos o foco em nossa nova estratégia e continuaremos prevendo que o EBIT para 2017 será cerca de €100 milhões maior do que o de 2016, em decorrência do constante crescimento e da melhoria contínua. Isso se dará desde que não haja mais mudanças materiais nas dinâmicas de mercado e na economia, incluindo moedas estrangeiras."

H1 2017 em milhões de euros

 

H1 2016

H1 2017

Delta %

Faturamento

7.141

7.446

4

EBIT1

825

837

1

Retorno sobre vendas (ROS) %2

11,6

11,2

 

Retorno sobre investimentos (ROI) %3

15,1

14,8

 

Receita líquida atribuída a acionistas

552

541

(2)

Q2 2017 em milhões de euros

 

Q2 2016

Q2 2017

Delta %

Faturamento

3.711

3.785

2

EBIT1

491

461

(6)

Retorno sobre vendas (ROS) %2

13,2

12,2

 

Retorno sobre investimentos (ROI) %3

15,1

14,8

 

Receita líquida atribuída a acionistas

312

301

(4)

Tintas Decorativas

O faturamento do primeiro semestre foi impulsionado pelo forte crescimento de volume. A evolução positiva do volume foi parcialmente contrabalanceada por preços/mix desfavoráveis. Volumes registaram alta de 6% com crescimento na Ásia e América Latina. O impacto favorável do real brasileiro foi compensado pelo enfraquecimento da libra esterlina. O EBIT expandiu 8% principalmente em decorrência de melhores volumes e um maior controle de custos.

A empresa lançou diversos produtos em mercados-chave, incluindo a marca de revestimentos premium Levis no mercado profissional na China e o produto Superlavável no Brasil.

Performance Coatings

O faturamento do semestre registrou alta de 4%, impulsionado pela aquisição do negócio Industrial Coatings. Os índices positivos de volume de Industrial and Powder Coatings foram totalmente ofuscados pela contínua e fraca demanda por Marine and Protective Coatings. Ao se excluir os índices de Marine and Protective Coatings, os volumes tiveram alta. O EBIT recuou devido ao fraco desempenho das indústrias marítimas e de óleo e gás. Ao se excluir os índices de Marine and Protective Coatings, O EBIT também teve alta. O retorno das vendas e retorno sobre investimentos foram afetados pelos índices de Marine and Protective Coatings e pela aquisição do negócio de Industrial Coatings.

Os clientes se beneficiarão da ultra moderna unidade de produção de €31 milhões localizada em Chonburi, na Tailândia, bem como da expansão das instalações existentes na planta de Santo André (SP), Brasil. Recentemente, a empresa também anunciou duas aquisições que fortalecerão seu negócio de Performance Coatings: a Flexcrete Technologies Ltd., fabricante britânica de produtos para proteção e reparação de substratos de concreto; e a francesa Disa Technology, uma fornecedora de filmes adesivos para os setores aeroespacial, de transporte e de equipamentos industriais.

Specialty Chemicals

O faturamento do semestre registrou aumento de 6%, com crescimento em todas as unidades de negócios e regiões. Vários deles se beneficiaram de melhores condições nos segmentos de perfuração de petróleo, agroquímicos e construção. O forte crescimento na China se deu por conta da implantação da nova planta de peróxidos orgânicos em Ningbo e do fechamento de unidades de produção de nossos concorrentes, após endurecimento dos padrões locais de saúde, segurança e meio ambiente. O EBIT teve alta de 3% devido ao aumento de volumes. Esses foram, todavia, parcialmente contrabalanceados pelos aumentos de preços das matérias-primas, que ainda não foram totalmente absorvidos pelos aumentos dos preços de venda, e pelo impacto da alteração de manutenção planejada em Industrial Chemicals. O retorno das vendas teria sido superior ao de 2016, se não fosse o impacto da grande mudança de manutenção planejada em Industrial Chemicals, que afetou o EBIT do segundo trimestre em torno de €13 milhões.

Um investimento de €10 milhões na Suécia dará um impulso extra no fornecimento de micronutrientes para os mercados agrícolas, enquanto a expansão na planta de Los Reyos, no México, fortalecerá ainda mais nossa posição de liderança no segmento de peróxidos orgânicos utilizados na indústria de polímeros.

Inovação

Dez startups terão suas ideias inovadoras para uma química mais sustentável mais perto de se tornarem realidade após vencerem o desafio Imagine Chemistry, apresentado no início desse ano. A AkzoNobel também finalizou a expansão de suas instalações de P&D em Houston, nos EUA, que darão suporte aos negócios de Performance Coatings, a um custo de €2,6 milhões. Arquitetos, designers e especificadores agora já podem pesquisar e criar especificações de revestimentos completas a partir do novo aplicativo digital para dispositivos móveis da Powder Coatings.

Sustentabilidade: Um contrato com a empresa de energia Vattenfall possibilitará que a AkzoNobel impulsione o fornecimento de eletricidade renovável para suas instalações na Suécia e na Finlândia. Além disso, a empresa uniu forças com a Ocean Cleanup e passou a fornecer uma tecnologia de revestimentos de última geração que não usa biocidas a ser aplicada nos equipamentos das operações de limpeza dos oceanos. Por fim, a AkzoNobel será parceira oficial de sustentabilidade da Volvo Ocean Race 2017/2018, cujo foco principal é proteger os oceanos.

Cidades Humanas: A AkzoNobel lançou a Coalisão Cidades Humanas, uma parceria público-privada que reúne mais de 150 stakeholders e 20 parceiros, cujo foco é melhorar a vida nas megacidades. Muralistas argentinos e belgas usaram tinta doada pela marca Alba, da AkzoNobel, para transformar muros cinzas em uma colorida galeria ao ar livre, em Saldías, uma favela de Buenos Aires. Artistas da Malásia esbanjaram criatividade e criaram murais nas lojas da Starbucks, na Malásia, usando tintas da marca Dulux, também da AkzoNobel.

Destaques das áreas de negócios em milhões de euros

Tintas Decorativas

 

 

 

 

 

H1 2016

H1 2017

Delta%

 

Q2 2016

Q2 2017

Delta%

1.916

1.968

3

Faturamento

1.055

1.046

(1)

183

198

8

EBIT1

131

121

(8)

9,6

10,1

 

ROS %2

12,4

11,6

 

Performance Coatings

 

H1 2016

H1 2017

Delta%

 

Q2 2016

Q2 2017

Delta%

2.861

2.975

4

Faturamento

1.473

1.504

2

408

389

(5)

EBIT1

222

202

(9)

14,3

13,1

 

ROS %2

15,1

13,4

 

Specialty Chemicals

 

 

H1 2016

H1 2017

Delta%

 

Q2 2016

Q2 2017

Delta%

2.412

2.548

6

Faturamento

1.206

1.259

4

343

355

3

EBIT1

179

179

-

14,2

13,9

 

ROS %2

14,8

14,2

 
  1. Renda operacional após excluir itens identificados.
  2. ROS% é o EBIT dividido pelo faturamento.
  3. Média flutuante do ROI% é o valor de 12 meses do EBIT dividido pela média dos 12 meses do capital investido.

 

  Mais notícias