Akzononel reforça estratégia de sustentabilidade em evento

29/03/2018 - 10:03

A empresa promove práticas sustentáveis em todas as etapas de sua cadeia

No mês de março, a AkzoNobel realizou um encontro com fornecedores para falar sobre as iniciativas sustentáveis da companhia e a importância das práticas também nas empresas parceiras. O objetivo foi aumentar a consciência de sustentabilidade para além de seus muros, além de engajar os fornecedores no Balance Score Card (BSC) de sustentabilidade para parceiros de negócios, ferramenta que dará uma visão geral do desempenho em sustentabilidade dos nossos fornecedores, oferecendo informações para discussões relacionadas ao tema com os parceiros, além de também nos ajudar a mensurá-los em eco-eficiência. A AkzoNobel realizou um estudo interno para entender a pegada de carbono dos produtos da empresa dentro da cadeia de valor. Foi identificado que mais de 40% da pegada de carbono vêm da matéria-prima que é utilizada nos produtos. Com isso, a empresa começou uma série de ações para também envolver todos os parceiros da cadeia de valor para ações concretas em sustentabilidade. Vale lembrar que a empresa integra o programa Together for Sustainability (em português, Juntos pela Sustentabilidade), iniciativa industrial fundada pelas principais companhias do setor químico para apoiar e promover as práticas de sustentabilidade em suas cadeias de suprimento mundiais.

“Há 15 anos, a AkzoNobel adota uma abordagem pragmática de sustentabilidade nos negócios. Acreditamos que só é possível prosperar nesse sentido se trabalharmos alinhados aos nossos parceiros. Por isso, encontros como esse enriquecem todas as empresas envolvidas e resultam em melhorias para a população e para o planeta”, comenta Artur Martins, diretor de compras para Américas, da AkzoNobel Tintas Decorativas. É importante ressaltar que a empresa já conta com um programa extenso com diversas iniciativas ligadas a sustentabilidade. Em julho de 2017, inaugurou uma estação de tratamento de água de reuso na unidade de Mauá que tem potencial para reutilizar 100% da água gerada até 2020. Além disso, a dona das marcas Coral e Sparlack está realizando o plantio de 12 mil mudas da Mata Atlântica distribuídos nos 70 hectares de sua Reserva Tangará, regulando o fluxo hídrico e melhorando a qualidade da água das nascentes na mesma localidade. E mais: a companhia não só promoverá o uso de fórmulas à base de água (com menor impacto ambiental), como também fabricará mais produtos usando menos água - a ampliação do reuso da água contribuirá para isso. “A sustentabilidade é a base de crescimento, inovação e produtividade da empresa. Nosso compromisso é gerar mais valor com menos recursos e transformar as preocupações sociais e os desafios ambientais em inovações de produtos que atendam a uma necessidade do mercado. Com estas parcerias, ainda criamos valor contínuo para as partes interessadas da AkzoNobel em termos sociais, ambientais e econômicos, criando uma ponte entre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU e nossas próprias estratégias de negócios”, complementa Elaine Poço, diretora de Pesquisa & Desenvolvimento e Inovação para a América Latina, da AkzoNobel Tintas Decorativas.

  Mais notícias

Coral Sayerlack Anuncie aqui