Publicidade
Tronox

AkzoNobel anuncia novo CEO global

30/06/2022 - 17:06

O Conselho Diretivo da AkzoNobel anunciou na última terça-feira (28) Gregoire Poux-Guillaume como novo Chief Executive Officer (CEO) da multinacional holandesa de tintas e revestimentos, sucedendo Thierry Vanlancker, no cargo desde 2017, em término de mandato.

Cidadão francês, Gregoire Poux-Guillaume, 52 anos, é líder empresarial internacional com 25 anos de experiência na construção de negócios bem-sucedidos e lucrativos em ambientes desafiadores, acelerando o crescimento e melhorando as margens. Suas funções anteriores incluem CEO da Sulzer, CEO da GE Grid Solutions (anteriormente Alstom Grid) e diretor administrativo sênior da CVC Capital Partners.

“Estou honrado por ter sido escolhido pelo Conselho Diretivo da AkzoNobel para liderar a empresa em seu próximo estágio de desenvolvimento”, diz Poux-Guillaume. “A AkzoNobel é líder em produtos e soluções inovadoras e sustentáveis; uma empresa verdadeiramente global com uma herança de muito orgulho. Estou ansioso para conhecer meus novos colegas e, juntos, construirmos a partir do progresso que foi alcançado nos últimos anos”.

“Estamos felizes e confiantes por termos encontrado a melhor combinação para mantermos a AkzoNobel como pioneira no nosso setor. Gregoire Poux-Guillaume é um líder de negócios experiente, com um histórico de crescimento acima do mercado e de construção de equipes fortes. Sua experiência fornecerá uma perspectiva valiosa para ajudar no nosso crescimento futuro e desempenho financeiro”, afirma Nils Smedegaard Andersen, presidente do Conselho Diretivo da AkzoNobel. “Somos gratos pela liderança de Thierry Vanlancker, sob a qual a AkzoNobel concluiu, com sucesso, a separação do negócio de Especialidades Químicas e se tornou uma empresa de tintas e revestimentos focada e competitiva, com forte lucratividade e retornos significativos para os acionistas”, completa.

Gregoire Poux-Guillaume ingressará na AkzoNobel em 1º de outubro e assumirá oficialmente o cargo em 1º de novembro. Sua nomeação para o Conselho de Administração (Board of Management) está sujeita à aprovação dos acionistas e estará na pauta da Assembleia Geral Extraordinária, a ser marcada para setembro deste ano.

  Mais notícias